Educação Corporativa e Ensino a Distância: um Estudo no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte – TRE/RN

Karla Ramos Donida, Patrícia Whebber Souza de Oliveira

Resumo


Este trabalho teve como objetivo analisar as expectativas dos funcionários e condições organizacionais vigentes para implantação do programa permanente de capacitação e da educação a distância regidas pelas Resoluções nº 22.572/96 e 22.692/96 do Tribunal Superior Estadual (TSE) no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN). A pesquisa se caracteriza como um estudo de caso exploratório, de natureza quantitativa e qualitativa, sendo os dados coletados a partir de questionário e entrevista com os servidores. Os resultados apontaram que as expectativas dos servidores vão ao encontro do que determina a Resolução nº 22.572/96, reconhecendo a importância da educação permanente, do acesso democrático e da criação da cultura de educação compartilhada. Entretanto, em relação ao ensino a distância, regulamentado pela Resolução nº 22.692/96, há resistência dos servidores quanto à sua aplicabilidade. Quanto às condições organizacionais vigentes para o programa de capacitação nos moldes das Resoluções, d  tacase que os treinamentos têm influenciado no desempenho e no trabalho, mas não favorecem um ambiente de aprendizagem. Conclui-se que as expectativas em relação à educação a distância devem ser trabalhadas e que as condições organizacionais devem ser revistas para que o programa de capacitação atenda às Resoluções citadas do (TSE).

Palavras-chave


Educação corporativa. Educação a distância. Administração pública

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.