Empreendedorismo social e sustentabilidade: um estudo de caso sobre o projeto “mulheres em ação jogando limpo com a natureza” do IFNMG

Edson Oliveira Neves, Cezar Augusto Miranda Guedes, Kléber Carvalho dos Santos

Resumo


O presente artigo tem por objetivo analisar a evolução e importância do empreendedorismo social no atual cenário brasileiro e relatar as ações empreendedoras de um grupo organizado de mulheres da cidade de Januária- MG, protagonistas de um projeto social denominado “Mulheres em Ação: Jogando Limpo com a Natureza” desenvolvido e operacionalizado pelo IFNMG e ue contribuiu para a melhoria da qualidade de vida de muitas famílias a partir do incentivo e facilitação da produção comunitária de sabão em barra caseiro, utilizando como matéria-prima o óleo vegetal comestível usado, contribuindo e influenciando diretamente na redução do descarte inadequado destes resíduos no meio ambiente. Ou seja, geração de renda numa perspectiva de sustentabilidade ambiental e não-agressão ao meio ambiente. O projeto teve como foco o desenvolvimento sustentável comunitário e caracteriza-se por ser uma intervenção empreendedora social de forte impacto que se fundamentou na capacitação e fortalecimento de um grupo comunitário ativo na região, visando fomentar a geração de emprego e renda, sob bases sustentáveis e de auto-gestão.

Palavras-chave


Empreendedorismo Social. Desenvolvimento Comunitário. Geração de Renda. Sustentabilidade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.