Setup: uma aplicação em indústrias calçadistas exportadoras do Vale do Rio dos Sinos

Gustavo Severo de Borba, Leonardo Schnorr

Resumo


O presente artigo tem como objetivo apresentar os resultados obtidos por uma pesquisa envolvendo indústrias exportadoras calçadistas da região do Vale do Rio dos Sinos, no Rio Grande do Sul, Brasil. A pesquisa enfocou o tema redução dos tempos de setup (tempo de preparação de máquinas), buscando mapear e identificar a aplicação e utilização de ferramentas sobre o assunto. A coleta de dados foi realizada inicialmente por meio de uma etapa qualitativa, utilizando entrevistas como instrumento. Em seguida, foram enviados questionários para as empresas, buscando contemplar a etapa quantitativa. A pesquisa envolveu 25 empresas, de uma população de 56 organizações. Os resultados e conclusões apontam para a importância de alguns desdobramentos sobre o tema no segmento estudado. Pôde-se verificar a necessidade de identificação de indicadores para monitorar o setup, de desenvolvimento de projetos contínuos para redução dos tempos de setup e de estudos mais aprofundados quanto à curva de crescimento de cada estilo de calçado, ligados ao aprendizado e competências da equipe. Além disso, buscou-se ensaiar uma ampliação teórica do tema setup, adequandoo ao segmento calçadista.

Palavras-chave


Setup. Curva de aprendizagem. Indústria calçadista

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.