Pobreza, meio ambiente e economia solidária: o caso de Piracicaba

Zildo Gallo, Lilia A. de Toledo Piza Martins, Maria Thereza Miguel Peres

Resumo


Este texto pretende mostrar e analisar a possibilidade de geração de trabalho e renda a partir de soluções para problemas ambientais. Para tanto, toma como exemplo o caso do município de Piracicaba, onde são desenvolvidos dois projetos: o Reciclador Solidário e o Hortas Comunitárias, executados mediante parceria entre a Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares - ITCP, da Universidade Metodista de Piracicaba, a Prefeitura Municipal de Piracicaba e a Rede Unitrabalho. Os projetos mostram que é possível resolver questões ambientais e, ao mesmo tempo, criar trabalho e renda para populações excluídas. Com políticas públicas participativas, resgatam-se socialmente populações marginalizadas e, ao mesmo tempo, introduzem-se benefícios ambientais no meio urbano. A educação para a preservação ambiental e para a cooperação é o instrumento desse processo.

Palavras-chave


Economia solidária. Meio ambiente. Cooperativa; desenvolvimento sustentável; Inclusão social

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.