Novos negócios baseados em internet das coisas

Fabiana Ferreira Freund, Fernando Alberto Steenbock, Guirahy Airã Casini Marangoni, José Donizetti Vieira, Sérgio Luis de Deus, Rosângela Maria Angonese

Resumo


Presente na vida de milhões de pessoas em todo o mundo, a internet agora estende o seu controle ao mundo dos objetos. É o início de uma revolução tecnológica chamada internet das coisas ou internet of things (IoT), que promete interligar objetos físicos ao mundo virtual de modo que eles possam interagir com as pessoas e se comunicar entre si. A hipótese é que a IoT irá mudar a oferta de alguns produtos e serviços. O objetivo geral deste trabalho é apontar se a IoT representa uma oportunidade para abrir novos mercados no Brasil e gerar negócios inovadores. Fundamentada em uma análise bibliográfica e documental, esta pesquisa buscou demonstrar as possibilidades de aplicação da IoT em diversos setores da economia como forma de aumentar a produtividade e melhorar a vida das pessoas. Foram identificadas áreas que já utilizam essa tecnologia ou com potencial para isso, como indústria, energia, segurança e defesa, logística, mobilidade urbana, agricultura e saúde. Nesse cenário, desenvolvedores, startups e setor público são peças-chave para inovar, acelerar e disseminar o mundo novo da IoT. Apesar de os desafios a serem superados por quem empreende em internet das coisas, como falhas de segurança, problemas de padronização e falta de regulamentação legal – ou excesso em alguns casos, a resposta para o objetivo principal deste estudo é que a IoT representa sim uma oportunidade para abrir mercados e gerar negócios inovadores no país. Por se tratar de uma tecnologia em fase de amadurecimento, a IoT alimenta um ambiente de inovação e empreendedorismo propício ao lançamento de novos serviços e produtos capazes de gerar receita e valor a clientes e empresas.

Palavras-chave


Internet das Coisas. Iot. Empreendedorismo. Inovação. Tecnologia da Informação

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.