Uma análise comparativa do plano cruzado e do plano real sob a perspectiva da socioeconomia

Gabriel Tiago Schuhli

Resumo


A Socioeconomia oferece um ferramental analítico que ajuda a entender melhor o fracasso dos planos de combate à inflação nos anos 1980 e 1990 e também é capaz de mostrar de forma mais ampla os fatores que levaram ao sucesso do Plano Real. O presente trabalho emprega os conceitos de indivíduo socialmente embebido, capital social, confiança e hábitos de pensamento para melhor explicar a questão do hábito inflacionário, que fazia parte da economia brasileira desde antes do período em questão. Entende-se que a retomada da confiança e a criação de capital social por parte do governo junto à população foi um fator de grande importância para controle da inflação na moeda brasileira.


Palavras-chave


Socioeconomia. Confiança. Capital Social. Plano Real. Hábito Inflacionário.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.