Uma reflexão do Balanced Scorecard como uma ferramenta metodológica nas organizações contemporâneas

Rolando Vanzela, Emerson Dias de Oliveira

Resumo


O objetivo do estudo foi o de evidenciar que o BSC quando implementado com base em seus fundamentos, possibilita a organização institucionalizar de acordo com suas peculiaridades um modelo de gestão. Para essa análise, a construção da pesquisa utilizou-se do aporte bibliográfico enquanto embasamento metodológico, sendo resgatados autores da area específica de gestão organizacional, das tratativas envolvendo o BSC, entre outros que refletem algumas proposituras envolvendo o processo de controle
organizacional na atualidade. Dentre os pontos discutidos como fundamentos do BSC, ficou entendido a sua importância não só como ferramenta, mas como modelo de gestão quando incorporado no processo: a missão, os princípios e valores da organização. Além dos fundamentos foram discutidas as estratégias não como uma dicotomia, mas ressignificadas combinando os objetivos, indicadores, metas com a proposição de iniciativas que contribuam para esclarecer a relação causas e efeitos, para produzir fontes seguras de informações que facilite o monitoramento e avaliação do desempenho. Por fim, nas considerações, concluiu-se que as organizações devem fazer uma inflexão ao utilizarem a ferramenta BSC como modelo de gestão, e
permitir aos seus executivos canalizarem todas as energias, habilidades e conhecimento para alcançar os objetivos de longo prazo.


Palavras-chave


Modelo de Gestão. Estratégias. Metodologias. Indicadores. Competitividade. Desempenho.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.